Pesquisar este blog

11.11.06

Há algo de ingênuo e de submisso nas ginóides que me atraem muito. As mulheres são metidas, arrogantes, independentes. E interesseiras. A maioria só sai com quem tem nave própria - as maria-hidrogênio. Como as mulheres hetero são cada vez mais raras (7%, segundo o último censo do IBGE), elas abusam do direito de fazer os homens de gato e sapato. Como é pouca fêmea pra muito macho, a poligamia virou prática não só aceita pela sociedade, mas incentivada. Isso faz com que muitos ainda consigam arranjar mulher. Eu não. Tô nem aí. Meu negócio é ginóide. Não são complicadas, não dão trabalho, não dão prejuízo, não traem, não pedem flores, não reclamam se você não ligar no dia seguinte.
E depois da produção independente, aí é que as mulheres ficaram se achando. Dizem que a gente tá em desuso.
Mulheres, quem precisa delas? Mulher é coisa do passado. Mulher é pra otário. Meu negócio é ginóide.

10 comentários:

Anônimo disse...

Essas ginóides iam vender feito água, mesmo que as mulheres não se tornassem quase todas lésbicas (há quem diga que já são, por natureza). Hm... boa idéia de negócio para ficar rico.

Aliás, já viu as bonecas de silicone que se fazem? Procura por Real Doll no google (acho q é www.realdoll.com) e vê as fotos, se já não tiver visto. Eu acho meio bizarro, mas com certeza tem gente comprando.

45iso disse...

há uma coisa intrigante nisso tudo: como foi q, ao passar do tempo, o índice de homossexualismo entre as mulheres ficou tão grande e o dos homens não acompanhou? deve haver algum erro nisso. Q ano é esse? é 2676? vc sabe do vírus? viu os macacos?

lilith disse...

pois, pois, aílton. eu tava mesmo achando que esse post tá muito bruno ricardo demais, né não? porque além dessa história de 'muita fêmea pra pouco macho', subvertendo a ordem atual, ainda tem a historinha de 'mulher é pra otário'... se b.r. acha...

eu disse...

peraí, 'muita femea pra pouco macho' nao é a ordem atual?

Anônimo disse...

O gregos eram bi, ser gay e não bi, é coisa recente. Mas o caminho que está tomando essa sociedade hedonista é muito mais para a bissexualidade do que para o homo ou hetero.

Não sei quem foi que me disse que mulher que não dá trabalho, não é mulher, pode até atrair, mas não seduz.

eu disse...

tem diferença entre atrair e seduzir?

lilith disse...

É. confundi.
e outra:
segundo o houaiss, atrair = seduzir

Anônimo disse...

atrair pode ser sinônimo, ok, mas até um monstro horrendo pode atrair alguma atenção. seduzir, pra mim, tem um efeito mais durador e numa dimensão mais profunda. ^^

Luis disse...

Me lembrou as coisas de Philip K. Dick..

Esse povo q fica se preocupando com questões secundárias, procurando 'pé quebrado', tsc..

manu disse...

eu sei que o texto sugere muito macho pra pouca femea, mas tem certeza que nao inventaram um ginoide macho, nao?