Pesquisar este blog

6.10.07

Disk-Beethoven




A TV Senado é uma das melhores opções da TV Aberta. Tem, por exemplo, ótimos documentários; grandes atores, como Almeida Lima; além de contar com os discursos de Mão Santa, o maior comediante deste país.
Já o ex-senador pelo PSDB do Rio, Artur da Távola, apresenta um programa sobre música clássica. Ele é uma espécie de âncora, pois além de introduzir o espectador no espetáculo em questão, faz uns comentários de improviso. Em um deles, elogiou as formas voluptuosas de uma soprano russa. Artur da Távola me ensinou que as grandes sopranos não precisam mais ser corpulentas como as matronas de antigamente, graças a um aperfeiçoamento no ensino da colocação da voz. E a russa era gatinha mesmo.
Outra coisa que me chamou atenção no programa é que de cinco em cinco minutos pulula na tela um número de telefone gratuito (0800 622211) e os dizeres: "Quem tem medo da música clássica?" Isso me inquietava. E eu resolvi ligar, só pra ver que tipo de conversa teria com o(a) telefonista. Juro que não é carência. Mas já pensou se fosse a soprano russa..?
Bem, mas eu liguei e o telefone só fez chamar. Imaginei que o serviço só funcione em horário comercial e já era madrugada. Estaria tudo bem se não fosse por um detalhe: o programa é exibido de madrugada.
Assim fica difícil deixar de temer a música clássica.

5 comentários:

Luís disse...

Já vi Artur da Távola provocar todo tipo de comentário: "ele é o vovôzinho q eu queria ter", "já mandei carta pra ele no natal", "ele é muito fofinho".. coisa de mulher, logicamente.

Diana disse...

* Questão de ordem (sobre o com. acima): Falar besteiras não é coisa de mulher, logicamente.

Os músicos eruditos são mesmo seres assustadores. É tanto barbudo sombrio e tanta mulher sisuda que dá medo. Além disso, o que mais há são maestros sinistrérrimos, espevitados, epilépticos.

* Réplica: Por que eu fui inventar de torcer pro Botafogo? Quando eu só torcia pro vôlei feminino da UFPB, eu era mais feliz.

Tati disse...

Ah, a atendente trabalha numa tv que fala de política (mesmo tendo outros assuntos, esse é o princ.)vc quer que ela trabalhe de madrugada? Tá doido?

Luís Venceslau disse...

Não tô vendo onde eu disse q mulher só fala besteira.. O.o

Só disse q esse tipo de comentário - fofo, reconheçamos - só poderia vir de meninas. E as mulheres ainda têm q evoluir muito para atingir o nivel de besteira que uma roda de marmanjos pode produzir numa esquina qualquer. =p

Manu disse...

Desde que cheguei a TV Senado e' o unico canal que eu consigo assistir sem me provocar ansias. Digo aos programas que nao se referem a politica. Atencao!
Agora eu concordo com as opinioes sobre musica classica. Fazem de tudo pra elitisar a parada, inclusive assustar criancinhas!